PANACÉIA DELIRANTE

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Casa da minha alma.


Um dia desses eu escutei uma entrevista de Tom Jobim no DVD de Chico Buarque, aquele da Directv. Nela Tom comentava alguma coisa sobre a dificuldade da vida de artista. Em determinado momento ele comenta:
- Pra piorar eu ainda sou sindico de mim mesmo. Tudo sou eu! Tudo é comigo! Se falta pão, eu que tenho que resolver, se quero uma coisa eu que tenho que comprar. É difícil.
Tem razão Tom. Esse negócio de se auto gerir dá muito trabalho. Agente já tem que gerir tanta coisa que o condomínio aqui acaba ficando mal – administrado. Só dá tempo de constatar – “isso está bom”, “isso está mau” – resolver já são outros quinhentos. Tem dias que “cuidar de mim” é comer uma coisa gostosa ou tomar um banho gostoso ao final do dia. Aí agente fica reclamando , reclamando, desconta na comida, fica estressado, ganha espinha tem um aneurisma e morre. Fim da história. Pode não:
Preciso aumentar a mensalidade do condomínio.

Um comentário: